Arquivos do Blog

Bem-vindo de Volta, Judas

Ao que se espalha pelos quatro cantos, o quinto elemento do pacote de jogadores do Grêmio que vieram na composição da venda do argentino mercenário, ops, do Barcos, poderia ser o ex-camisa 30 de 2011, hoje conhecido carinhosamente pelos palmeirenses como Judas.

Há quem defenda a vinda do jogador e argumenta que o Palmeiras precisa de um jogador de peso na frente, e que apesar do que ele fez, temos que torcer pela camisa do Palmeiras, não importa quem a vista, se o cara jogar bem, ok.

Respeito a posição, que hoje é compartilhada por muitos dos meus amigos, mas eu não consigo racionalizar tanto assim. Pra mim a atitude de um jogador que não só traiu a torcida que sem muito fundamento o elevou ao patamar de ídolo, mas também descumpriu ordem direta do clube para que fosse ser concentrar pra uma partida oficial, desrespeitou todo o departamento médico do clube com a obtenção de um laudo que desmentia que ele estivesse apto a jogar, xingou diretor ao vivo no programa do maior gambá da imprensa, tentou iniciar um motim no elenco no episódio João Vitor e forçou por todos os meios até conseguir sua saída do clube, não pode nunca mais vestir a camisa do Palmeiras na vida.

Ou talvez até possa. Mas antes, pra mim, vai ter que cumprir uma etapa de providências como forma de amenizar o mal causado à torcida palmeirense. Vamos aos itens:

1 – Nasça de novo;

2 – Abandone o GLADIADOR e adote o JUDAS;

3 – Vá ao Donos da Bola e ofenda o Neto ao vivo;

4 – Demita o seu empresário boyzão;

5 – Convoque uma coletiva num hotel de luxo, comes e bebes e tals, tudo pago por você, e implore perdão à torcida palmeirense; No mesmo evento, anuncie à torcida do rival que você parou de torcer pra eles quando aprendeu a ler e escrever;

6 – Prometa, ainda, jamais beijar novamente o símbolo do Palmeiras, qualquer que seja a circunstância;

7 – Prometa, por fim,  aquela “disputa de bola”  com o André Dias pro Jorge Henrique. E cumpra;

8 – Vá ao show do Thiaguinho e suba no palco pra iniciar um flashmob dançando o Créu;

9 – Antes de deixar Porto Alegre, empreste bastante dinheiro pro Luxa;

10 – Mude seu twitter para Judas30Moedas;

11 – Devolva o dinheiro de todos os palmeirenses que compraram a camisa escrito Kleber ou 30; e

12 – _________. Esse número é imortalizado aqui. Diferente do 30, que deverá ser cedido ao primeiro moleque da base que quiser, se é que algum vai querer.

AVANTI PALESTRA!

Oitenta por Cento

Judas abriu a matraca de novo. Dessa vez, pra novamente soltar o verbo contra o Felipão. A entrevista foi concedida ao programa SP Acontece da Rede Bandeirantes, onde o empresárinho pulha do ex-jogador deve gastar os tubos de tanto pagar favores pros “apresentadores”.

Dentre outras pérolas que o traíra soltou, disse que “80% do grupo não gosta do Felipão”, isso além de deixar mais do que claro que parou de jogar bola porque não recebeu o aumento depois do assédio do Flamengo (isso pra meia dúzia que ainda punha fé neste merda deixar de ser iludido).

Mas vamos nos concentrar nos 80%, este número tão cabalístico citado pelo Judas:

– 80% do elenco não presta. Sério, temos no time titular hoje Deola, Cicinho, Thiago Heleno, Henrique e Gabriel Silva (com um pé fora), Marcio Araujo, Assunção, Valdivia e Luan, Maikon Leite e Ricardo Bueno. No banco, temos Fernandão, Patrik, Tinga, Dinei, Vinicius, Leandro Amaro, Mauricio Ramos e Rivaldo. Dizer que 80% não serve pra jogar no Palmeiras é até otimista.

– 80% do elenco nunca ganhou um título:

– 80% do elenco tem salário muito maior do que o futebol jogado merecia;

– 80% do elenco jogará em um time de menor expressão quando sair do Palmeiras – o Judas inclusive;

– 80% dos pontos é o que esse elenco medíocre desperdiçou no segundo turno;

– 80% da torcida odeia o Judas e o xingaria se o visse na rua; 

– 80% de quem entende de futebol acha o Judas um jogador nada extraordinário.

Podia continuar, mas acho que cheguei onde eu queria. O futebol hoje está infestado de jogadores como o Judas, extremamente mal preparados, mal assessorados e, principalmente, mal agradecidos. O cara não consegue entender que, se não fosse o futebol e, principalmente, os clubes (que pagam salários que nenhum outro trabalhador sonharia receber e muitas vezes, por uma contrapartida nada condizente), ele ainda estaria levando uma vida humilde, realidade de muito mais que 80% dos jogadores profissionais no Brasil.

Sem a menor condição intelectual de entender o que é ser um ídolo, usam apenas a seu favor a idolatria da torcida pra fazer chantagem com o clube e cada vez exigir mais e mais. Judas, por exemplo, não cansa de dizer em toda entrevista o quanto fez de “esforço” pra vir jogar no Palmeiras. Sim, veio passar fome aqui ganhando R$ 300 mil por mês, um salário digno de miséria… E ainda fez o clube prometer ao seu empresarinho que ele teria o segundo maior salário do elenco, fato este que veio a desencadear toda a crise já conhecida por qualquer palmeirense.

Judas, como a maior parte dos jogadores que desempenham a atividade de jogador profissional atualmente – não vou dizer 80% pra não ser injusto – não deixará nenhuma saudade no torcedor. Serão esquecidos rapidamente, diferente dos ídolos do passado, jogadores que, se não eram anjinhos, pelo menos sabiam o que significava honrar uma camisa de futebol de um grande clube.

E nao precisamos ir muito longe, o time campeão paulista de 1993 tinha sérios problemas de relacionamento, vaidades e tal, mas quando entrava em campo ninguém percebia. Eram homens que honravam o contracheque. Muitos foram jogar no rival, como foi o caso do Edmundo, do Edilson, do Sampaio, do Antonio Carlos e do Roberto Carlos e, mesmo assim, nenhum deles perdeu a condição de ídolo do torcedor – Ok, talvez o RC tenha perdido cerca de 80% (rá!) da sua condição de ídolo…

Eles eram caras que sabiam o quanto o Palmeiras, sua camisa e sua torcida lhes proporcionou na vida. Não eram ingratos. Tome-se por exemplo a contratação de César Sampaio, como gerente de futebol do Palmeiras. Marcos à parte, diga um outro jogador que veste nossa camisa hoje que poderia, daqui a 15 anos, ser contratado pro lugar do Sampaio? … E aí, ainda tá pensando? Pois é, não tem ninguém…

No futebol moderno de hoje, jogador troca de time como muda de cuecas ou de esposa. Luizão, por exemplo, conseguiu defender quase todos os times grandes do Brasil. Muller, idem. O primeiro ainda soube aproveitar e, se não me engano, empresaria jogadores de futebol e não deve demorar pra vermos jogador seu pulando de galho em galho… Já o segundo, estava a passar necessidade quando foi acolhido pelo Premiere FC pra ser um dos piores comentaristas esportivos nunca antes visto.

Felipão pode ter seus defeitos. 80% da torcida – ou até mais – não consegue entender os critérios escusos escolhidos para definir escalação e substituições. Boa parte dos torcedores (80%?) também acha que o Bigode precisa urgentemente de uma reciclagem, que aquele papinho de Familia Scolari é uma lenda e que muitas discussões com imprensa e arbitragem podiam ser evitadas.

Mas, mesmo assim, é fácil afirmar que 80% da torcida prefere o Bigode do que os jogadores que hoje vestem a nossa camisa. Por isso, tomara que o Judas puxe a fila, e que o restante dos 80% medíocres insatisfeitos VÁ LOGO À PUTA QUE PARIU E DEIXEM O PALMEIRAS EM PAZ!

E quem sabe, com isso, tenhamos um 2012 com pelo menos 80% de decepções a menos…

AVANTI PALESTRA!

 

 

PorcoNews n. 58

Porquíssimos palestrinos! Buenas! PorcoNews is on!

LISTÃO 2012

Os malucos votaram durante uma semana na pesquisa aqui no Blog, respondendo aos seguintes critérios: 6 jogadores sem condições técnicas pra jogar no Palmeiras, 6 jogadores sem caráter e nomes para reforços para 2012. Aqui estão os resultados:

Os 6 perebas:

1) Rivaldo – 16,56% dos votos

2) Dinei – 11,35%

3) Tinga – 11,28%

4) João Vitor – 7,74%

5) Leandro Amaro – 7,59%

6) Gerley – 7,59%

Os Canalhas:

1) Judas – 18,28%

2) João Vitor – 14,05%

3) Tinga – 9,69%

4) Rivaldo – 8,87%

5) Ricardo Bueno – 7,37%

6) Valdívia – 7,23%

Os Reforços p/ 2012 (Preciso explicar porque tem 11 nomes na lista ao invés de 6?)

1) Alex Cabeção – 5,68%

 2) Cleiton Xavier – 5,34%

3) Pierre – 5,17%

4) Giuliano (ex-Inter) – 4,95%

5) Nilmar – 4,95%

6) Montillo – 4,88%

7) Taison – 4,22%

8 ) Riquelme – 4,16%

9) Diego Tardelli – 3,88%

10) Hulk – 3,49%

11) Jorge Wagner – 3,2%

Pra mim, nenhuma surpresa quanto às listas de dispensa. Quanto aos reforços, parece que o palmeirense ainda não aprendeu que ex-ídolos do clube não são a solução. Os 3 mais votados são ex-jogadores do Verdão. Me incluo nessa lista por ter votado no Pierre.

Nenhum goleiro, lateral ou zagueiro esteve entre os 11 mais votados. Pelo jeito, o torcedor está muito satisfeito com a nossa peneira, ops, zaga. Outra coisa é que dos 11 preferidos pela torcida segundo a pesquisa, dificilmente o Verdão contratará 02 desses nomes. Pra quem precisa de um time inteiro, é muito pouco…

O Maluco quer saber que  outras conclusões podemos tirar desses números? Deixe seu comentário.

COM VOCÊS, FERNANDO OTTO

Segundo o Estadão, ao ser perguntado porque o jogador Pedro Carmona nao foi relacionado pras duas partidas, o empresário Fernando Otto respondeu: “A bola está queimando em seu pé. Com todo respeito aos times, mas jogar no Criciúma é um nível e no Palmeiras é outro. Ele sabe que não está treinando bem para ter chance e ele sabe que não é merecedor de ter uma sequência maior. Ele tem cabeça boa e vai dar a volta por cima”.

Sobre essa declaração, duas observações: primeiro, um grandissíssimo chupa pro cretino do repórter  que tentou criar mais um polêmica no Palmeiras. Seu otário! Empresário de jogador não é técnico, preparador ou médico pra explicar porque o cara não está sendo escalado; segundo, o empresário do Carmona podia dar umas aulas de como se comportar pra outros colegas. Ou será que ele também banca boca livre pra repórter da Globo? Leva jogador no Jogo Aberto pra xingar a diretoria do clube? Ou publica merda sobre outros times no Facebook? Acho que nem… Fica o exemplo pra corja!

MALUCO PRA INGLÊS VER

O Bem-vindo Pedro Carmona, post que atingiu a maior repercussão de todos os publicados aqui no Maluco até hoje, ganhou uma versão em inglês, com a colaboração do amigo Kristian Bengtson (lembram deste Fala Maluco aqui?), que traduziu e publicou no Anything Palmeiras, único Blog da mídia palestrina no idioma bretão. Não deixe de conferir o Welcome, Pedro Carmona, ou Code of Conduct. It’s we!

FALA, DOENTE!

Foi também por ocasião do Bem-Vindo, Pedro Carmona que eu conheci este maluco do vídeo aí de baixo, o Palmeirense Doente:

Podem ir se acostumando com a lata do Doente. Ainda veremos muito dele por aqui! Pra quem curtiu, clique neste link aqui e siga o canal do Palmeirense Doente no youtube. Tamo junto!

JUDAS

E, como não poderia deixar de ser com todo jogador vagabundo com empresário sem-vergonha, começou o leilão Quem Dá Mais pra contar com o futebol medíocre do ex-ídolo palmeirense, Judas30. Abram logo os olhos, gremistas, vocês tão de novo latindo pra uma árvore podre. Já não bastou a pataquada RG-A$$I$? Mas parece que aprenderam a lição. Já avisaram os 2 sacripantas, empresário e jojogador, que só esperam até sábado. E Frizzo, se o Judas falar não pro Gremio, e você vender o Judas pros Gambás, entrega a porra do cargo!

ANDRÉ LIMA

Quem? Então, esse tal de André Lima, que ninguém sabe o que fez ou ganhou na vida, não quis ser negociado como moeda de troca para o Palmeiras em caso de o Gremio contratar o Judas. Vamos por partes. Concordo mais ou menos com o Verdazzo, quando ele atribui à imprensa a esnobada que o caneludo deu no Verdão. De fato, a imprensa pinta o Diabo de verde na hora de dar a notícia.

Mas, não é todo cabra que é macho pra jogar no Palmeiras. O André Lima, melhor que ninguém, sabe que o futebolzinho dele aqui não ia durar dois meses, pra torcida começar a cobrar. Então, ficar no Gremio é o melhor que ele pode fazer. Pelo Palmeiras…

IRRESPONSABILIDADE

Confirmado: enfrentamos os Bambis em Barueri. Um lugar que não tem a menor condição de receber um clássico.Quem se fode? O torcedor. Como bem lembrou o Forza Palestra, enquanto não morrer um…

E assim concluímos um dos mais extensos PorcoNews de todos os tempos!

AVANTI PALESTRA!

PorcoNews n. 57

Ciao, palestras! PorcoNews está no ar em sua qüinquagésima sétima edição. Muita coisa pra falar hoje, então, sem mais delongas….

JÁ VOTOU?

Indispensável em todo fim de temporada é aquele bate-papo sobre quem tem que ir, quem tem que chegar do nosso Verdão. Pensando nisso, o Orelha, tidealizou pelo twitter a pesquisa que nos publicamos aqui e que antecipa as discussões sobre os Dispensados, os Vagabundos e os Pretendidos no Verdão. Antecipa vírgula, já que tudo o que o palmeirense quer é que 2012 comece amanhã, embora ainda faltem seis longas partidas pro ano acabar.

Na semana que vem vamos montar as listas de saídas e chegadas e publicar aqui no Blog. Acompanhe. E não deixe de votar!

O MONSTRO VOLTOU!

César Sampaio, um dos maiores camisa 5 que já andou pelos gramados da Terra, está de volta ao Verdão. O Monstro de Parque Antártica, como foi eternizado por Roberto Avalonne, assinou contrato nesta sexta-feira como gerente remunerado de futebol, até dezembro de 2012. Leia o que publicaram Globo, IG e Lance!. É uma notícia para apreciar com satisfação mas também com parcimônia.

A chegada de Sampaio está só 11 meses atrasada. Tivesse o presidente convencido o vice de futebol disso antes, talvez 2011 poderia ter sido melhor. E é por isso mesmo  que a chegada de Sampaio tem que ser analisada com calma.

O clima no clube está muito tenso e o Monstro não é nenhum salvador da Pátria. Mas não há dúvidas que sua chegada é muito bem-vinda, pra começar a botar ordem na casa. Se por um lado a vinda do gerente de futebol dá força pra Felipão e ainda representa um certo basta nas desavenças dele com Frizzo, por outro, Tirone ainda terá muito trabalho pra fazer cessar os constantes boicotes sobre o departamento de futebol, o famoso “fogo amigo”. Sampaio só funcionará se o presidente blindar de uma vez por todas elenco, comissão técnica e, agora, o gerente de futebol. Ao que tudo indica, e assim se espera, isso deve ser feito.

Boa sorte, Sampaio! Agora é arregaçar as mangas e fazer esse time levantar tantos canecos quanto você levantou como nosso capitão! A torcida está contigo!

QUANTO VALEM TRINTA MOEDAS DE PRATA? 

Aparentemente, mais do que o Gremio quer pagar pelo Judas. Sem falar em números, a notícia é que o Palmeiras recusou a oferta inicial do Grêmio, inclusive dos jogadores que foram indicados para compor o preço. Aguardemos cenas dos próximos capítulos na Galiléia.

TODO PROTESTO É VÁLIDO / OUTROS TEMPOS

Mais uma vez o GloboEsporte tirou sarro do Palmeiras, dessa vez com dois palmeirenses no comando das gozações, o que muita gente achou lamentável. Muitas vezes já fui irônico aqui no Blog a respeito desse time que tantas oportunidades nos envergonha, então não vou engrossar o coro e não coaduno da crítica aos torcedores que estiveram hoje no programa mais babaca da mídia esportiva, sob pena de estar sendo hipócrita. A ironia não deixa de ser uma forma de revolta. Inclusive, um deles mantém (não sei se sozinho) o ótimo De Gioíno a Bizu, blog da mídia palestrina que eu recomendo. O que o pessoal talvez não engoliu bem foi a forma engraçadinha com que o Globo Esporte pintou o que, na verdade, é apenas mais um protesto sobre os tempos difíceis que o time passa.

Aliás, penso eu, toda forma de protesto é válida. Eu fui na porta da Academia dia 24, tomei chuva, cantei, xinguei e fui embora pra casa com a alma lavada. Na segunda-feira, o garoto Davi, 17 anos, sozinho, enfrentou os seguranças do Palmeiras no desembarque do Verdão em São Paulo e pagou geral pro time vagabundo. Um verdadeiro exemplo, como retratou o Verdazzo! E os torcedores que apareceram hoje no Globo Esporte escolheram a maneira deles de mostrar indignação com o time, apesar da roupagem comédia-pastelão do maldito programa.

Melhor seria, isso sim, se não existissem globo esporte, jogo aberto, joão sorrisão e outras aberrações que tanto banalizam o futebol. Houve um tempo, como lembrou com muita pertinência o Forza Palestra, em que os clubes de futebol diziam NÃO às investidas da TV. O artigo do jornal O Globo publicado pelo Forza, datado de 20 de outubro de 1961, mostra bem como eram as coisas antigamente. Não concordamos e nem concordaremos com as imposições das emissoras de TV, venham de onde vierem, teria dito o presidente do Botafogo do início da década de 60. Programas como os que passam hoje na TV jamais teriam lugar naquela época…

50 anos depois, a baixada de calças foi tão absurda que, apresentada a possibilidade dos clubes se libertarem da dona do futebol brasileiro, podendo fechar com outras emissoras que, em tese, poderiam acabar com jogos de futebol às 22 da madrugada (como diz o Barneschi do Forza), as agremiações mais uma vez se renderam ao dinheiro fácil às custas do desconforto do torcedor… Não se viu um único dirigente perguntando às emissoras pretendentes qual era a proposta para os horários das partidas de futebol. A pergunta era uma só: quem dá mais? Uma verdadeira lástima.

Esse sim é o grande problema…

AVANTI PALESTRA!

PorcoNews n.56

Caríssimos palestrinos, mais um PorcoNews está no ar. Essa semana pouca coisa de importante aconteceu depois da segunda-feira trinufal para o Palmeiras. Então, o foco de hoje vai ser mesmo o protesto de segunda0-feira.

24 DE OUTUBRO DE 2011

26 de agosto de 1914 – a fundação; 24 de janeiro de 1915 – o jogo 1; 19 de dezembro de 1920 – o primeiro título; 20 de setembro de 1942 – a arrancada heróica; 22 de julho de 1951 – o mundial; 12 de junho de 1993 – o fim da fila; 16 de junho de 1999 – campeão da América. A todas essas gloriosas datas da história do nosso Palmeiras soma-se agora o dia 24 de outubro de 2011. O dia da revolução. O dia que a torcida reagiu e iniciou uma mudança histórica na mentalidade tacanha e retrógrada de quem dirige a SEP. 

Não foi o primeiro movimento, é bem verdade. Em janeiro de 2011 a Mancha promoveu o mesmo protesto diante da votação que elegeu Arnaldo Tirone presidente do Palmeiras. E o projeto Diretas Já também foi anterior a isso, quando no início de 2010 se iniciou a coleta de assinaturas de sócios do clube para que houvesse alteração da forma de eleição do mandatário alvi-verde.

Mas, o que tem de especial o dia 24 de outubro de 2011 é que foi justamente o dia em que os avessos à essa necessária mudança estatutária sentiram o golpe e perceberam que vão ter que recuar ou, no mínimo, escolher melhor suas armas. Os quase 600 participantes da manifestação do lado de fora, e os mais de 80 conselheiros e 1 oficial de justiça do lado de dentro, conseguiram brecar o golpe que iria anular a eficácia da escolha do presidente pelos sócios do clube. 

Ainda há muito pela frente. Mas, quando a missão estiver totalmente cumprida, temos que lembrar desse dia 24 de outubro de 2011 e reconhecer que foi quando as coisas começaram a mudar definitivamente. É o Dia da Reviravolta. Ou do Renascimento, como bem lembrou o Forza Palestra!

Mais sobre esse dia histórico no 3VV, Verdazzo!PTD. E aqui no Maluco também!

GRÊMIO QUER O JUDAS

Segundo as últimas informações, os gaúchos teriam até feito proposta: R$ 4,5 milhões, pela metade do passe do traíra que cabe ao Palmeiras. O Palmeiras, dizem, estaria interessado em Douglas, mas o Grêmio não aceita colocar o jogador na negociação. Aguarda-se cenas do próximo capítulo. Uma coisa é certa. Mesmo sem o Felipão no Palmeiras, a verdade é que o ambiente do Judas no Verdão azedou geral… a resistência da torcida com ele é imensa. Aconteça o que acontecer, não há a menor chance dele prosseguir no Palmeiras. Mais um cuzão que já vai tarde.

ASSUNÇÃO

O vovô-lante do Palmeiras voltou a treinar com bola, depois de uma luxação no ombro. Será que vamos ver o garotão estrear ainda em 2011?

VALDÍVIA

Ao menos, um pouco de sensatez. É o que se tira da entrevista coletiva que o Mago deu ontem para explicar problemas de ordem pessoal que não traduzem qualquer interesse a este espaço, senão o que já tanto comentamos – que o jogador curte uma noitada um pouco além da conta. Valdivia reconheceu que este foi o pior ano de sua carreira. Como não acompanhei o desempenho do chileno no Quatar, concordo que foi sua pior temporada no Verdão. Nem mesmo quando era reserva de Juninho Paulista e que tinha pouquíssimas oportunidades com Emmerson Leão, o Mago foi tão inconstante como desde o seu retorno, especialmente pela quantidade de jogos que participou, menos de 40% do total disputado pelo verdão neste 1 ano e meio. Por outro lado, Valdívia tem se mostrado um cara grato e que sabe bem o que o Palmeiras e a torcida representaram na sua carreira. Pena que nem todo mundo é assim, né Judas?

EURICADA

Entre meus amigos que amam futebol, nem todos eles palmeirenses, o termo “euricada” (como em “o cara deu uma bela euricada”), significa levar vantagem de alguma forma nem sempre muito correta. É a máxima do importante é levar vantagem, principalmente sobre os seus rivais do futebol. O adjetivo faz jus a uma figura das mais excêntricas do futebol brasileiro, o ex-cartola do Vasco Eurico Miranda. Na semana passada, o Barnechi, do Forza palestra, publicou o excelente post  Tributo a Eurico Miranda, no qual relembrou as peripécias – ou euricadas, se preferirem – do dirigente do Vascão que nunca pagou comédia pra ninguém e algumas vezes pagou caro por isso. Vale a leitura, com a devida parcimônia de que não se trata de uma homenagem ao polêmico cartola, mas sim de um relato sobre a sua forma de ser e das coisas que fez em nome do Vasco, sem qualquer espécie de julgamento (a qui ou lá no Forza) se foram corretas ou indevidas. Quem nunca quis ver o presidente do seu clube invadir o campo e confrontar o juiz que estava operando o time – especialmente esse juiz – que atire a primeira pedra.

TEM JOGO! GALO X PALMEIRAS – BR 2011 – RODADA 32

AVANTI PALESTRA!

PorcoNews n. 54

Buenas, palestras! Porconews is on!

DESCULPAS

Pra começar, tenho que me desculpar com os torcedores que se envolveram na confusão com João Vitor, a quem chamei aqui de covardes e idiotas. Caí na besteria de escrever sem saber direito dos fatos e confiando na imprensa, tão imunda, que até chegou a editar o vídeo, invertendo a sequencia de imagens, mostrando primeiro o jogador apanhando e depois ele segurando um torcedor no chão, o que não foi como as coisas ocorreram.

Se alguém ainda não sabe como as coisas aconteceram, eis o passo-a-passo, de acordo com o que se pode deudizr dos videos exibidos até agora:

1) João Vitor chega à Loja ofiical do Palmeiras, acompanhado de um cunhado e de um amigo;

2) É reconhecido e xingado por um único torcedor, que teria dito “O Palmeiras tá ganhando pra você estar passeando?” e teria (segundo o jogador) chutado seu carro;

3) O jogador e os outros dois ocupantes descem do carro. A cena que segue – a primeira pela ordem correta dos fatos – é a do torcedor sendo mantido no chão pelos 3;

4) Chega um segundo torcedor (dizem ser o Beiçola, mendigo conhecido que mora em frente ao Palestra) pra tentar ajudar o que estava caído no chão. Há trocas de socos e o segundo torcedor é derrubado (Esta imagem aparece na primeira cena do vídeo divulgado depois);

5)  Neste exato momento chega uma viatura da polícia, e o segundo torcedor se distancia da confusão. Quase ao mesmo tempo, chegam de 5 a 6 outros torcedores, que foram claramente ajudar aqueles que estavam sendo agredidos;

6) É apenas neste momento que aparecem esses 05 a 06 torcedores (e não 15 ou 20) agredindo Joao Vitor e seus amigos;

Portanto, a versão que o jogador deu, inclsuive para os jogadores,  não condiz com o que de fato aconteceu. Fomos levados a pensar, e o momento era propício para isso, que uma agressão covarde e injusta tinha ocorrido. De fato, isso ocorreu, mas os agressores foram Joao Vitor e seus amigos.

Minhas sinceras desculpas para quem foi defender um amigo caído no chão e foi mal interpretado por mim e por outros mais. Se os fatos ocorreram exatamente da forma como estão descritos acima, João Vitor teve o que merecia. Faltou inteligência, rapaz. Teve seu carro chutado, pois bem, abaixa a cabeça e vai embora. Vá na delegacia e registre uma ocorrência se quiser, mas nunca vá para as vias de fato com um torcedor. Jogar no Palmeiras tem seus benefícios – belo carrão, hein? – e tem os seus ônus também. Não existe um sem o outro. Tivesse o sr. entrado – ou nem descido – do seu carro, seria o automóvel o único a levar umas bicas. Fica a dica. 

 

MALEMOLÊNCIA:

 

Pra variar só um pouco, a diretoria do Palmeiras decidiu adiar até terça-feira (ou quarta!?!) a decisão sobre o futuro do Judas. Nosso presidente parece administrar o francês Lyon, na época dos 7 títulos nacionais consecutivos (2002/2008), tamanha a calmaria com que conduz os temas do dia-a-dia do clube. Respeito à parte quanto ao estilo de gestão, tem certos assuntos que exigem medidas enérgicas e tempestivas. E não esse sossego todo…

 

JUDAS:

Hoje pela madrugada publiquei um post sobre os vacilos do ex-gladiador que o transformaram num grande cuzão para a torcida do Palmeiras. Vale a pena ver o retrospecto. Deixe lá o seu comentário. Que seja a última vez que perdemos tempo com esse ingrato aqui no Maluco pelo Palmeiras.

FALAR É FÁCIL:

Andrés Sanches é daquelas pessoas que está sempre buscando uma oportunidade para aparecer na TV, especialmente para tripudiar em cima da crise dos outros. Apareceu dando entrevista sobre a confusão com Joao Vitor e  disse que se fosse nos Gambás, iria pedir a suspensão da rodada. Curioso é saber qual a opinião  dele sobre os torcedores (pai e filhos) do Gambá que foram espancados por seguranças do clube nas numeradas do Pacaembu, apenas porque haviam criticado time e diretoria, porque o Gambá perdia por 2×0 em casa. Isso pode? Cuspir pra cima, Andres, só serve pra molhar o próprio olho…

É isso, então, porcada. Domingo tem o Palestra do Murtosa no Canindé e vamos estar lá pra dar uma força pro Palmeiras. Por sinal, como eu odeio o maldito Canindé…

AVANTI PALESTRA!

De Ídolo a Cuzão – Os 10 Pecados Capitais do Judas

Judas terá seu destino selado de vez no Palmeiras em reunião com o presidente do Palmeiras na noite deste dia 13 de outubro de 2011, que deverá confirmar seu afastamento definitivo do Palmeiras. Ele deverá terminar o ano treinando separado do elenco, participando do famoso Bobinho Open de Gaurulhos (via @parmerista).

O traidor foi contratado novamente pelo Palmeiras no meio de 2010, como um pacote de loucuras/medidas populistas de Beluzzo que, àquela altura, buscava salvar o último suspiro de chance de se reeleger. Pouco depois chegaram Felipão e Valdivia.

Em pouco mais de um ano, o jogador – que chegou com um inexplicável (talvez até explicável) status de ídolo – conseguiu minar todo o prestígio que tinha com diretoria, comissão técnica e a maior parcela da torcida. O Maluco pelo Palmeiras relembra, um a um, os pecados que conduziram o “ídolo” a virar persona non grata para o palmeirense.

1) Palmeiras 2×2 Botafogo/RJ, 22/07/2010, Pacaembu. O Palmeiras ganhava de 2×0 no primeiro tempo e cedeu o empate em 2 gols de bola parada. Na saída do gramado, Judas criticou abertamente a zaga do Verdão. Primeiro incêndio pro Bigode apagar, com pouco mais de 2 semanas de trabalho. Foi então instituída a primeira lei do silêncio no Palmeiras, fazendo com que a animosidade da imprensa para com o Palmeiras e com o Felipão começasse desde cedo a azedar mais do que o comum.

2) Palmeiras 1 x 2 Fluminense, 28/11/2010, Arena Barueri. O Verdão havia sido eliminado da Copa Sulamericana para o Goiás e acabava de perder, com gosto, para o Fluminense ficar a 2 pontos do título. Em entrevista o boca-mole cria novo tumulto no clube, ao criticar abertamente o diretor de futebol Wlademir Pescarmona e ainda expor a situação financeira do clube nos microfones. Uma afronta direta à hierarquia e uma insubordinação inadmissíveis.

3) Palmeiras 2 x 1 Noroeste, 10/03/2011, Bauru. Judas se machuca uma semana antes no jogo contra o Comercial do Piaui, pela Copa do Brasil. No sábado seguinte, vetado pelo DM, é visto no Sambodrómo ao lado de Valdívia, ensaiando um ziriguidum. Segunda-feira se reapresenta e volta a sentir a lesão muscular, que o tira de mais um jogo, desta vez contra o Noroeste. Ao final, Felipão critica a falta de compromisso dos “jogadores”. O traíra decide então que tinha “um direito de resposta” a ser publicado no twitter, criticando diretamente o comandante. De novo, a quebra de hierarquia foi abafada e contornada por Felipão, que ainda fez do jogador o seu capitão. Bola fora, Bigode…

4) Palmeiras 5 x 0 Avaí, 19/06/2011, Canindé. Judas solta o verbo contra o presidente do Palmeiras, por conta de uma declaração mal-interpretada de que, se fosse ao Flamengo, não seria titular. É o começo do fim.

5) Entrevista coletiva, 22/06/2011, Academia. O canalha convocou a imprensa para esclarecer o “mal entendido” com o presidente, mas na verdade queria mandar o seu recado: se não tiver aumento… O Judas deixava se manipular pelo grande responsável pelo estopim da crise do jogador com o Palmeiras: o seu empresário, que não havia conseguido fazer constar no contrato do jogador uma cláusula escrita de que ele teria o segundo maior salário do elenco e, naquele momento, começava a tentar fazer valer a pedida na base da força. Daqui pra frente, a merda só ia feder mais.

6) Academia de Futebol, 09/07/2011. Judas estava prestes a completar seu sétimo jogo, vetando assim qualquer possibilidade de transferências para outro clube ainda na temporada 2011. Depois de 20 dias fora, liberado pelo Departamento Médico, se recusou a concentrar com o resto do elenco, saiu da Academia e foi fazer um exame médico por conta própria, que só constataria aquela famosa lesão, a contratite. Desacatou ao mesmo tempo a CT, o DM e, lógico, a diretoria. Pra mim, essa foi a gota d’água

7) Jogo Aberto (entre outros), 11/07/2011. O jogador perde a linha e chama o vice-presidente de futebol de tudo que é nome: ‘Se o Frizzo não tem caráter e não fala como homem, ele fica se escondendo, tentando me colocar contra o torcedor e não tem coragem de atender o telefone para conversar comigo e resolver o assunto’;  ainda disse que nunca tinha pedido aumento de salário para ganhar R$ 500.000,00 (o tal do assunto  devia ser um furúnculo) e que o clube o forçava a fazer a sétima partida sem que ele tivesse condições físicas.

8 ) Academia de Futebol, 14/07/2011. Judas falta ao treino da manhã e diz que não sabia que tinha de treinar… Foi finalmente multado pela Diretoria. Mas, já era tarde demais…

9) Palmeiras 1 x 0 Ceará, Canindé, 22/09/2011. A multa aplicada 2 meses antes fez o jogador calar a boca, embora o futebol continuasse sumido. O mercenário decide dar entrevista após a vitória do Palmeiras na qual se sente no direito de questionar o esquema tático e o ambiente do Palmeiras que ele tanto ajudou a conturbar. Ainda achou tempo para chorar a respeito da chuva de moedas que sofreu no jogo contra o Avaí, e ironizou: devo ser o mercenário mais burro do mundo. Sem dúvida.

10) Academia de Futebol, 11/10/2011. Judas decide iniciar um motim dos jogadores em razão do episódio entre João Vitor e torcedores na porta do Palestra, sugerindo que ninguém embarcasse para o jogo do Verdão no Rio de Janeiro. Muito antes de estar sendo solidário ao jogador “agredido”, Judas só pensava que sua batata estava assando: pouco mais de uma semana antes, o alvo podia ter sido ele. A coisa encrespa entre ele e Felipão e o jogador abandona a concentração. Felipão bate o martelo: ou saía o jogador, ou sairia ele. O bigode dá entrevista após o jogo com o Flamengo e diz que desistiu do atleta. Frizzo confirma hoje pela manha a saída do atleta: se ele não quer jogar pelo Palmeiras, o Palmeiras também não o quer.    

Se algum dia houver um seminário a respeito de como desvalorizar um jogador e destruir uma carreira em 15 meses, Judas e seu empresário seriam concorridíssimos. Depois desse rol de eventos o Judas, que queria ganhar meio milhão de reais por mês, deve ficar satisfeitíssimo se conseguir receber 1/3 disso. Nenhum clube aministrado com inteligência vai se dispor a pagar mais do que o Judas já ganha no Verdão, ainda mais depois de ter se mostrado ser extremamente problemático, mimado, insubordinado e desagregador.

E que não venham os trouxas de plantão querer culpar diretoria e/ou torcida pelo fim do Judas no Verdão. Essa cova o imbecil cavou sozinho. Aliás, sozinho vírgula, Judas não teria tido tanto êxito não fosse a péssima assessoria que recebe. Às vezes dava até dó de ver um suposto gladiador parecendo mais um fantoche de circo barato. Pensando bem, dó o caralho, que se foda esse desgraçado.

O torcedor tem que aprender de uma vez por todas: palmeirenses somos nós. Se tem uma coisa que o Judas nunca foi na vida é palmeirense. O que ele fez foi usar a carência da torcida em seu único e exclusivo benefício, para poder exigir um contrato mais vantajoso e pra poder fazer todo tipo de absurdo, como os 10 listados acima, acobertado pela moral recebida da torcida. É um aproveitador.

E não se engane, palmeirense: a saída dessa laranja podre só irá fazer bem ao Palmeiras. Como não se trata de um jogador ruim, poderá servir de moeda de troca por um bom atleta do Inter ou do Flamengo, por exemplo. Já pros Gambás, dificilmente ele irá. Pra eles, nem um centavo da multa de R$ 143 milhões pode ser reduzido. E a diretoria nem seria louca de fazê-lo.

Parabéns, Judas. Se o que você queria era ser odiado pela torcida e escurraçado do Verdão, conseguiu. Agora, aguente. Vai acabar tendo que voltar pra Ucrânia ou onde quer que seja que te aturam. Seu merda.

AVANTI PALESTRA! 

Tem Jogo! Flamengo x Palmeiras

Hoje o Tem Jogo! dá lugar ao inconformismo com a atitude covarde adotada por um grupo de torcedores contra o jogador João Vitor.

Começa que ele foi agredido enquanto comprava camisas do Palmeiras. Mesmo que fosse visto comprando camisas do Gambá ainda assim nao dava pra entender ou aceitar.

Segundo que violência nao vai resolver. E mesmo que fosse, o alvo nao poderia ser o João Victor. Na fila da surra, ele seria um dos últimos.

Terceiro que a atitude covarde foi, acima de tudo, burra. Bastou o fato ocorrer para que os srs. Judas e Tirone arrumassem um jeito de tirar a bunda da seringa. Tirone já falou que acha difícil conseguir contratar o ano que vem, como se ele fosse conseguir trazer Iniesta e Fabregas antes do episódio. E o Judas arrumou mais um jeito pra nao jogar.

Por ultimo, agora a torcida vai ser de novo considerada a grande culpada pela pindaíba do Palmeiras, como se o time já nao viesse caindo pelas tabelas.

Parabéns aos irresponsáveis autores dessa imbecilidade. Vocês foram o bode expiatório que diretoria, comissão e jogadores tanto sonhavam.

Quanto ao jogo, que se foda. Se perder de 3×0, depois disso tudo, terá sido lucro.

AVABTI PALESTRA!

PorcoNews n. 50

Fala, parmeras!! O PorcoNews desta sexta vem com a imensa responsabilidade de tentar manter a qualidade que garantiu milhares de acessos ao Maluco pelo Palmeiras nesta quinta-feira e ainda rendeu menções em todos os expoentes da mídia palestrina. Põe responsa nisso…

A TAL DA CARTILHA

O que começou como uma brincadeira no Twitter com os parceiros @GeGuarino, @DivinoBlog, @simidea e @BrunnoArchas, acabou virando o post de maior sucesso do Maluco pelo Palmeiras até hoje: Bem-vindo, Pedro Carmona rendeu ao Maluco, num único dia, quase o equivalente a 10% de todos os acessos acumulados neste 1 ano de Blog que, aliás, havia sido completado exatamente neste dia 14 de setembro de 2011, quando o post foi publicado.

De repente, as normas de conduta sugeridas à nova contratação do Palmeiras se espalharam pelo twitter, pelo Facebook e pelos fóruns alvi-verdes. Na manhã desta quinta, já constava de um post exclusivo do prestigiadíssimo Verdazzo!, além de ter sido lembrado no DROPS do 3VV, no Verdestaques e na Rádio Fanfulla da WebRádio AntenaVerde.

Apesar da imensa repercussão e do reconhecimento, motivos de muito orgulho deste blogueiro, a cartilha não foi nada de inovador senão a reunião em tópicos do que todo palmeirense não cansa de esperar (e não receber) dos jogadores. Não queremos chinelinhos. Não queremos baladeiros. Não queremos “reis do Twitter”. Não queremos mercenários. Queremos jogadores de futebol que entendam e respeitem a tradição da Sociedade Esportiva Palmeiras, que honrem a camisa e que lutem sem parar. Ou seja, nada de novo, não é?

Mas, enfim, foi muito legal ver um post feito aqui alcançar tanto destaque! Espero que os novos leitores entre os 2.252 que passaram por aqui nesta quinta, muitos pela primeira vez, sigam acompanhando o Blog, contribuindo, opinando, criticando e ajudando o Maluco pelo Palmeiras a seguir o seu caminho que, no fim do dia, é só o de querer um Palmeiras cada dia melhor. Mais uma vez, aceitem o muito obrigado do Maluco!

SOBROU PRO GALE

Esses dias conversava no twitter que tinha tanta coisa errada no Palmeiras que não fazia idéia por onde deveriam começar as mudanças. Eis que na manhã dessa quinta uma matéria do jornalista Danilo Lavieri, do IG, um dos poucos que ainda respeitam o Palmeiras, apontava o coordenador técnico Galeano como uma das grandes fontes dos problemas do Verdão

A matéria parece ter acertado um calcanhar de Aquiles lá na Academia, pois, como noticiou o 3VV, o jornalista foi chamado à Academia nesta quinta-feira, onde se reuniu com Felipão, Sérgio do Prado (o suposto desafeto) e o bode expiatório, digo, o Galeano.

De qualquer forma, não sou o cara mais adequado pra opinar a esse respeito. Não frequento a Academia pra saber até que ponto a matéria do IG tem ou não razão. Mas, vendo de fora, parece que Galeano é muito peixe pequeno pra se imaginar que sua saída significaria extirpar todo o mal que assola o Palmeiras. Muito pelo contrário… Enfim, quem viver, verá!

SEM BASE

Essa semana o Verdazzo! publicou uma matéria estarrecedora sobre as categorias de base do Palmeiras, expondo a quantidade de investimentos pouco justificáveis para o Palmeiras B e pros times amadores. Após ter sido questionado pelo diretor responsável, o Verdazzo! publicou as perguntas e respostas trocadas por e-mail. Não é difícil perceber porque o Palmeiras é o time que menos revela jogadores. Torcemos por dias melhores.

MAIS DO MESMO

Este Blog não costuma comentar especulações a respeito de contratações de jogadores. Como torcedor, sempre repudiei essa prática, que por vezes prejudica e encarece negociações, dificultando a vinda de jogadores pro Palmeiras e alertando os rivais sobre os possíveis interesses do clube. Mas, acompanhando a notícia do início do planejamento pra 2012 e lendo o twitter do @futebol_pontual, que costuma ser muito bem informado a respeito dos interesses de todos os clubes, ao ver que o Palmeiras poderia estar interessado em Jorge Vagner, Roger Galisteu-Secco e Cleiton Xavier, bateu um certo desespero, a ponto de permitir uma exceção aos princípios do Blog.

O Palmeiras precisando trazer jovens talentos e os caras insistindo em trazer acomodados e/ou jogadores que já passaram por aqui sem muito brilho? A se confirmar, em 2012 vem mais do mesmo por aí. San Genaro que nos ajude, especialmente pra fazer esse time limitado conseguir uma vaga na Liberta e, assim, quem sabe, garantir contratações importantes pro ano que vem…

O JOGO DAS BARRICAS

Quem nunca ouviu falar do Jogo das Barricas, a partida beneficiente disputada pelo Palestra e pelos Gambas no final da década de 30, pra ajudar a bambizada arrogante, naquela época humildes e falidos, tá aqui uma sensacional matéria sobre o jogo, nas palavras do conselheiro da SEP Jota Christianini. Imperdível, como costumam ser todos os textos do Jota. não deixem de ler.

FALA MUITO!

Eis que o Judas resolve dar entrevista nesta quinta-feira, com as seguintes declarações: ” A gente precisa parar de reclamar, parar com algumas picuinhas, com coisas pequenas que ficamos levando e guardando. Isso prejudica, por isso vamos esquecer e pensar mais no Palmeiras” e ” Vou voltar e mudar a postura. Estava pensando em casa e tenho certeza que chegou a hora de mudar. O Kleber vai ser um jogador diferente do que vinha sendo. Chegou a hora de se doar mais.”

O Judas ainda concluiu: ” Precisamos ter um espírito diferente. Às vezes faltam poucas coisas, que é desatenção. E não só desatenção, mas às vezes um pouco de tesão. Aquele espírito de ganhar uma bola, de dividir forte sem ser desleal, de dar um carrinho a mais… Às vezes a gente fica chateado com algumas coisas e esquece de outras que são muito maiores. A gente esquece do clube, que é maior do que todos nós; esquece do torcedor… A gente precisa pensar mais no Palmeiras, na torcida e também em nós mesmos, nas nossas famílias, no que a gente quer para a nossa carreira”

Se alguém ainda tinha alguma dúvida do porque o Judas tá há 1 TURNO inteiro sem fazer gol, acho que a resposta tá aí. Pra mim, o cara confessou e assinou que estava de corpo mole desde que o Palmeiras jogou com o Avai no primeiro turno, nosso adversário desse fim de semana.

Ah, mas e se ele começar a jogar como sempre jogou e o Palmeiras voltar a ganhar? FODA-SE! Não faz mais que a obrigação, porra! E os 19 jogos sem gols, os 10 empates, as derrotas bestas, mais um campeonato praticamente jogado fora (as chances de título do Verdão são de 2,2%), mais uma eliminação na fraquíssima Copa Sulamericana? Como fica?!?!

Por isso, Judas, e isso vale pro restante dos bon vivants que habitam o time de futebol profissional do Palmeiras também, saiba que a vaga na Libertadores é OBRIGAÇÃO!!!!! Bora correr atrás!

Agora, o que impressiona mesmo é como ele é mal assessorado. Abre o olho, Judas…

AVANTI PALESTRA!

%d blogueiros gostam disto: