Bambi 1×1 Palmeiras – BR15

Podia ter sido uma partida melhor do Palmeiras. Mas do jeito que acabou, ficou até que bom demais.

Num dia em que Gabriel Jesus e Rafael Marques foram muito mal, coube ao faz-me-rir do goleiro de hockei dar mais uma pixotada no pé do Robinho – que até então ia seguindo o mesmo caminho dos nossos atacantes – e aí, parça, não tem perdão: vai outra cobertura aí? AHAHAHAHAH

O gol sofrido aos 47 do segundo tempo só fez por calar ainda mais a lastimável apresentação da torcida mandante o que, aliás, não é nenhuma novidade. No fim do jogo só se ouviu a gente, Eu sempre te amareiiiii…

Sobre o jogo, o Palmeiras foi a campo com Thiago e Girotto no meio, Robinho mais a frente e Gabriel, Rafael e Barrios fechando no ataque.

Demorou pro time encaixar, os bambis vinham chegando, umas bolas mais perigosas, mas a maioria sem muito perigo. Quando o Palmeiras realmente conseguiu chegar, Andrei cruzou pro Robinho mandar de cabeça no travessão.

Logo na sequência, o juiz parou o jogo pra marcar uma falta no Gabriel na meia lua e não viu que o Rafael chegava sozinho, na cara do eterno reserva do reserva do Marcão pra fazer o primeiro. E ele teria feito… clara interferência da arbitragem, mais uma, como não cansam de prejudicar o Palmeiras…

O segundo tempo veio e o Marcelo tentou acertar o meio, trazendo o Lucas da lateral no lugar do Andrei e colocando o JP na lateral direita.

E por 13 minutos, parecia que o Palmeiras tinha achado o jeito de jogar. Até que depois de um contra-ataque malsucedido e numa jogada de distração inaceitável do Gabriel, os bambis abriram o placar pela nossa direita, em mais uma falha de marcação do JP – igualzinho o lance do jogo contra o Goiás.

Daí parecia dar tudo errado, não tinha um lance que o Palmeiras conseguisse chegar com perigo, Robinho, Rafael e Gabriel, junto com Barrios, não conseguiam fazer nada de produtivo. O time sentiu demais as ausências de Arouca, Dudu e Zé Roberto.

Marcelo tirou o Lucas e colocou Kelvin, e depois Barrios pra entrada de Alecsandro. Nada. Enquanto isso, do lado de lá, Osório ia trancando o time, mostrando satisfação com o placar magro, que tava de muito bom tamanho pro futebol fraco que o time dele tinha jogado.

E quando o Palmeiras parecia ter jogado a toalha, num daqueles lances que o time adversário fica trocando passes pra fazer o tempo passar, veio o castigo: graças a uma arrancada nunca antes vista de AlecDonalds, Goalie Ceni pixotou mais uma vez na saída de bola, e ela foi parar justo nos pés dele, o aplicador oficial de coberturas, que olhou e perguntou: “caramelo ou chocolate? Quer castanha de caju?” AHAHAHAHHAH

Ok, foi divertido, mas o futebol do Palmeiras hoje foi pífio, com Gabriel como pior em campo e Thiago Santos disparado o melhor. Thiago que, aliás, não enfrenta o Chapecoense no próximo domingo, levou o terceiro amarelo. 

Antes, porém, tem a volta contra o Inter, e que o bom resultado do jogo de ida não engane o Palmeiras. O jogo é complicado.   

Publicado em 28/09/2015, em Palmeiras em Campo e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Rogerinho Fumo

    ( . ) ( . )

  2. Ver mais uma vez a cara de bunda do Rogério Ceni….NÃO TEM PREÇO!!!! É bom D++++

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: