Palmeiras 5×1 Sampaio Correa – CopaBR15

Depois de 45 minutos de puro terror, e um segundo tempo de lazer, o Palmeiras passou de fase contra o Sampaio Correa na Copa do Brasil, e agora espera a definição do próximo adversário entre Vitória e Asa.

Com uma escalação que contou inexplicavelmente com Wellington e Amaral no time, o Palmeiras passou vexame no primeiro tempo da partida, e saiu de campo pro intervalo perdendo de 1×0.

Era um princípio de tragédia que foi logo resolvido com a saída do Amaral no intervalo, e a entrada de Robinho. Em tempo nenhum o jogo já tava 2×1, e depois os demais gols saíram naturalmente.

Como já reforçado em outros posts, Oswaldinho mostra capacidade de mudar o jogo com as substituições, mas ainda falta uma leitura mais apurada de cada adversário na hora de escolher o time titular. Foi assim em Itaquera, foi assim na Vila, e ontem também.

Por exemplo, qual o motivo pra se entrar com 02 volantes de contenção contra um time fraco como o de ontem? E ainda, com o Palmeiras tendo a obrigação – senão pelo regulamento, moral – de vencer um visitante de pouca expressão? Oswaldo que responda.

E, mesmo que decidisse entrar com dois volantes, porque não dar uma chance ao Andrei, ao invés de insistir com o fraquíssimo Amaral?

Menos mal que isso foi corrigido antes que o porco fosse pro brejo, mas já tá começando a irritar esse negócio de o Palmeiras estar sempre correndo atrás do prejuízo, desnecessariamente.

Outra coisa que, assim como um leitão voador, caiu muito por terra, foi o mito absurdo construído no Campeonato Paulista de que o Palmeiras finalmente tinha uma zaga de respeito. Não tem. Precisamos contratar um zagueiro de peso, urgente. Com essa zaga aí o Palmeiras não vai a lugar nenhum. Conseguimos tomar um gol do Sampaio Correa com um tal de Cleitinho humilhando o VH. Depois, quando o jogo tava 3×1, deixaram um cara cabecear sozinho quase na pequena área – o Prass fez uma puta defesa – e ainda tomamos duas bolas na trave na sequencia. E ainda tomamos um gol em contra-ataque -Meu Deus, exclamação (na voz do Avalonne)- que foi anulado por impedimento.

No sábado, contra o Galo, a zaga “titular” também deu show de horror. Precisa resolver isso aí, ou podem esquecer qualquer pretensão nos dois torneios que ainda disputamos este ano.

Por último, essa porra de perder pênalti já irritou. Já perdemos um título com essa displicência, tem que fazer hora extra na Academia porque, vamo combinar, um time pra quem nunca se marcava penalti na história, agora que marcam vai ficar pedendo? Tão de brinkation with me? (na voz do Papai Joel)

Domingo visitamos o Joinville com portões fechados. Só a vitória importa, pra manter a média de 66% tão preciosa pro torneio. E já aposto ai, com gol do Egydio 66, a peça que faltava pro Oswaldinho parar de inventar o Zé na lateral.

Pra cima Palmeiras!

OS LANCES:

A FICHA TÉCNICA:

PALMEIRAS 5 X 1 SAMPAIO CORRÊA
Local: estádio Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data e horário: 11 de maio de 2015, terça-feira, às 21h50
Árbitro: Fabio Filipus (PR)
Assistentes: Moisés Aparecido de Souza e Sidmar dos Santos Meurer (ambos do PR)
Público/Renda: 24.443 pagantes/R$ 921.447,62
CARTÕES AMARELOS: Dudu e Fernando Prass (PAL); Gil Mineiro e Válber (SCO)
GOLS: Diones, 21’/1ºT (0-1), Vitor Hugo, 4’/2ºT (1-1), Cristaldo, 10’/2ºT (2-1), Zé Roberto, 21’/2ºT (3-1), Kelvin, 34’/2ºT (4-1) e Zé Roberto, 47’/2ºT (5-1).
PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Wellington, Vitor Hugo e Egídio; Gabriel e Amaral (Robinho – Intervalo); Rafael Marques, Zé Roberto e Dudu (Leandro, 42’/2ºT); Cristaldo (Kelvin, 26’/2ºT). Técnico: Oswaldo de Oliveira
SAMPAIO CORRÊA: Ruan; Gil Mineiro, Edvânio, Luiz Octávio e Raí; Diones, Moisés Ribeiro, Rogério (Edgar, 23’/2ºT) e Válber (Cleitinho, 12/2ºT); Pimentinha (Dudu, 35’/2ºT) e Robert. Técnico: Arlindo Maracanã (interino)

AVANTI PALESTRA! 

Publicado em 13/05/2015, em Geral. Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Pensei que você iria desdenhar da Copa do Brasil, nem rolou o post do 1º jogo! rs

    Acompanho teu blog já tem uns anos, é bom saber que não sou o único que fica muito puto com as atuações ruins e tão emocionado com as vitórias! Que não sou o único devoto de São Marcos e crítico do Valdívia… Ah: e que não sou o único com a missão de ensinar um filho de 3 anos (no seu caso 2 filhos) a ser palmerense!

    Saudações!

  2. Nao entendo. O palmeiras fez un promoção nos ingresso e com 24 mil deu uma renda de 900 mil. Por que nao mantem este valor para o estádio todo, faturando um milhão por jogo. E 35 milhões por ano.

    • eu também não entendo. Por exemplo, é o único estádio do mundo que o anel superior custa mais caro que o inferior. Nunca vi isso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: