Torcida Mostra Sua Força. Já a Diretoria…

E a torcida do Palmeiras deu mais uma demonstração de sua grandeza na data de hoje.

O Shopping Eldorado foi invadido por mais de 6.000 palmeirenses que foram prestigiar o livro biográfico Nunca Foi Santo, escrito em parceria por Mauro Beting e o próprio Santo. A quantidade de livros vendidos só hoje, 3.000, é a maior já registrada num lançamento nacional, superando a marca anterior de um certo ignóbil goleiro cujo maior feito na carreira foi ter sido reserva do reserva do Santo em 2002.

O número, senhores, é emblemático. Corresponde, praticamente, à quantidade de torcedores que ainda resistem e se deslocam ao cafundó de Barueri a cada novo jogo. É quase o dobro do público pagante naquele mesmo estádio na Copa Sulamericana semana passada, contra o Botafogo.

A Procissão de São Marcos, ocorrida em 25 de janeiro último, por outro lado, foi responsável pela peregrinação de mais de 4.000 torcedores pelas ruas da Pompéia e Pacaembu, e reuniu mais de 25.000 palmeirenses num jogo amistoso sem qualquer importância senão por representar a primeira partida do time no ano da aposentadoria do maior ídolo da atualidade.

São provas de que o palmeirense não perde chances para prestigiar aquilo com o que mais se identifica: o amor de torcedor pelo clube, coisa que ninguém melhor que Marcos simboliza. Aposto que se o Marcos ainda estivesse jogando, Barueri teria um público bem melhor. E basta estar lá o Marcos que a torcida vai atrás onde ele estiver, até mesmo num shopping center em pleno dia útil no meio da tarde. É uma questão de reconhecimento, de identidade, de paixão.

Enquanto isso, a diretoria insiste em fazer de tudo para afastar o torcedor do time e desse amor maluco que o torcedor tem pelo Palmeiras. Jogos naquela pocilga de Barueri, preço cheio, programa de sócio torcedor mal lançado e sem atrativos justos (hoje o que se economiza na compra do ingresso certamente se gasta em dobro com pedágio, estacionamento e combustível pra ir até Barueri), lojas oficiais longe de serem lançadas – é o único time grande da Capital que ainda não as tem, enfim, esses são apenas alguns dos inúmeros atentados praticados contra o torcedor e que só prejudicam o próprio Palmeiras.

Isso sem falar no descaso absurdo com que o clube é tratado por árbitros, pela CBF, pela Globo, pelo STJD, sem que a diretoria tome providências enérgicas e exija o devido respeito que o maior campeão nacional fez por merecer.

Agora imaginem se o Palmeiras tivesse uma diretoria à altura de sua torcida? Imaginem se os jogos fossem marcados no Pacaembu porque é melhor pra torcida, ao invés de Barueri, que é mais barato pro clube (o que aliás é mentira, conforme confirmado pelo Barneschi, pelo Nespoli e por tantos outros)? Imaginem se uma parcela dos ingressos fosse vendida a R$ 15,00, pra que mais torcedores do Palmeiras pudessem ir aos jogos? Imaginem se o palmeirense pudesse economizar em pedágio, combustível e estacionamento, e aplicar esses valores na compra de produtos licenciados do clube? Imaginem se se o palmeirense pudesse contar com lojas oficiais espalhadas em diversos endereços da cidade, ao invés de ter apenas uma opção na Rua Turiassu?

Não é nada difícil de imaginar, mas é pouquíssimo provável que venha acontecer, ao menos enquanto permanecerem no comando do clube dirigentes mais preocupados em manterem-se no cargo do que em exercer o mandato. E a reeleição, que seria natural, caso o torcedor pudesse se sentir prestigiado pelo clube e pelas atitudes da diretoria, não seria mais um problema, mas uma mera consequência.

Com uma torcida tão dedicada, tão leal, tão empenhada em estar incondicionalmente ao lado da camisa e do time, chegaria a ser covardia com os adversários políticos se a atual diretoria se empenhasse o mínimo que fosse pra tornar a vida do torcedor mais fácil. Mas os que hoje estão no comando parecem não enxergar isso. E provavelmente nunca irão.

Afinal, porque outra razão mais de 6.000 torcedores se disporiam a ir a uma livraria e não a um jogo do Verdão? Parece incrível, mas é a realidade do Palmeiras hoje, livrarias cheias e estádios vazios. E está na mão de quem não faz a menor idéia do porque isso acontece para resolver.

E aí, COMOFAZ?

AVANTI PALESTRA! 

Publicado em 07/08/2012, em Geral, Visão da Arquibancada e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. Parabéns pelo testo, pena que serve somente de desabafo pq ninguém toma atitude alguma da nossa brilhante diretoria. abs

  2. Ótimo texto. Sabe que até sábado não tinha uma opinião formada sobre Barueri. Fui lá nos jogos da CB, já com ingresso comprado. Acho o estádio legal, até mais bacana que o Pacaembu (que me cheira gambá – coisa pessoal). Bom, sabadão fui pra Barueri levar meu filho, o João, de 7 anos, que tava me cobrando este passeio. Jogo tranquilo, pra pouca gente. Chego lá, 1,5 hora antes do jogo e trânsito. Os estúpidos que tomam conta do tráfego bloqueando a via que dá acesso ao estádio. Fui parar longe: 40 paus. Mandei o cara sf, voltei todo caminho, fui pela outra quebrada, lá no fundo. Consegui estacionar quase na porta. 40 paus! fazer o que …Daí fui comprar ingresso: fila. Puta fila. Fui de cadeira com o João, afinal o moleque merecia. Derrota. 40 minutos pra sair do estacionamento. E nas redondezas não tem uma porra de um bar decente pra tomar uma cerva e dar um lanche pro meu filho. Daí comecei a lembrar do Conrado, Barneschi, Maluquinho, Divino Blog e tantos outros que metem o pau em Barueri. Na CB, acho que valeu jogarmos lá (era a preferência dos jogadores – pelo menos é o que acredito). Agora, que o feitiço acabou, e com toda esta soma de inconvenientes, acho que já deu. Então, viva o Pacaembu. E esqueçamos esta sul americana, priorizemos nossa dignidade no BR, porque acho que merecemos ter um final de ano tranquilo. Ficou longo, mas tava engasgado. Grande abraço, parabéns pelo blog e pelos gêmeos, rs (o que passei com o João, vc. passará em dobro, rsrs. Mas é o dobro de alegria!!!). Paulo Marcos Loboda Fronzaglia, de Jundiaí.

    • É Paulo, Barueri é dureza… Todo sacrifício pelo Palmeiras é válido, mas a insistência com Barueri é pra afastar até mesmo os mais assíduos frequentadores da arquibancada.
      Não vejo a hora de levar os moleques no jogo. Sei que vai demorar ainda, mas até lá vou transformar esses dois em 02 palestra de fibra. De sangue eles já são!
      Abraço,

  3. Renato Vieira

    disse tudo, alias, não se pode ficar sócio do clube perante o valor da jóia, e pagando um ingresso atras do gol a 40 reais e assistir Patrick / João Vitor / Massaraujo, e o último detalhe a torcida e o sócio do Palmeiras estão pedindo diretas já no clube, e a diretoria fingi que não é com ela!!! de resto o nosso amigo maluquinho com ótimos textos, ja ilustrou a nossa imensa indignação!!!!

  4. Gerson Guarino

    Ótimo texto Maluquinho . Diretoria FDP ! abs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: