Arquivo diário: 31/07/2012

Festa do Apito da CBF 2 x 1 Palmeiras – BR12

E a vergonha segue comendo solta nas arbitragens de jogos do Palmeiras no Brasileirão.

Se até esse comédia reconhece, é porque a semvergonhice está beirando o absurdo:

O curioso é que o nosso gerente, aquele bom moço, no último jogo contra o Bahia, dizia logo após o jogo que não teria visto prejuízo ao Palmeiras.

Agora, diz que quem cuida disso é o jurídico do clube. Sei, sei…

Acontece que a putaria não vem de hoje. O Palmeiras fechou o ano passado como o time mais roubado do campeonato brasileiro e segue disparado com a primeira colocação, com absurdos 0,6 pontos tungados por rodada, ou se preferirem, 3 pontos perdidos pro apito a cada 05 jogos.

Tabela de Favorecimento - www.placarreal.com.br - 31.07.2012

Tabela de Favorecimento – http://www.placarreal.com.br – 31.07.2012

Essa semana foi feito mais um protesto formal à CBF. BELA MERDA! Será que ninguém vê que protestos formais não servem de porra nenhuma? Tem que ser enérgico, meus senhores! Cadê o sangue italiano dessa gente que comanda o Palmeiras? Tem que perseguir e exigir severas punições para cada um desses malditos árbitros e bandeirinhas que assaltam o Palmeiras a cada novo jogo. O cara tem que ter medo da gente! Tem que saber que se fizer cagada vai ficar 02 meses sem apitar. Quem sabe aí os canalhas pensam duas vezes…

Mas não é só! O PRESIDENTE tem que se fazer presente junto de todo o corpo jurídico, seguranças, etc., a cada um dos próximos 25 sorteios da escala de arbitragem, pra IMPEDIR que sempre nos nossos jogos venham juízes principiantes, estreantes na Série A, retornando de licença forçada, com histórico de prejuízos praticados contra o Palmeiras e mais aqueles figurinhas carimbadas que não perdem uma oportunidade de operar o Verdão.

Outra coisa. Assim que sair a escala de arbitragem, convoquem uma coletiva e esculhambem o árbitro sorteado, puxem a capivara do cara e apontem todos os erros absurdos . Sim, faça com que o cara entre em campo com o cu na mão e com a certeza que não vai ter perdão qualquer errinho, por menor que seja. Tá na hora de botar o terror.

E o Felipão está muito mais do que correto em não dar mais entrevista depois dos jogos em que o Palmeiras é assaltado. Quem sabe com isso, sem a coletiva, os patrocinadores também pressionam a diretoria a tomar providências pra cessar a balbúrdia, sem falar que com isso ele evita o risco de punições, o que prejudicaria ainda mais o clube.

Chega de protestos formais e vamos começar a tomar providências eficazes e enérgicas com essa festa do apito.

Tá na hora de mostrar que aqui é Palmeiras, senhores diretores!

AVANTI PALESTRA! 

 

%d blogueiros gostam disto: