Palmeiras 2×0 Coritiba – Copa do Brasil 2012

05 de julho de 2012 entrou pra história do Maluquinho como o mais longo dia de todos os tempos.

24 horas não servem pra descrever nem os primeiros e longos 60 minutos desse dia, que foram passados num mix de expectativa entre a internação da Dona Maluquinha na maternidade para o nascimentos dos Maluquinhozinhos e de revolta com os favelados que, ainda que tenham ganhado o primeiro título internacional depois de mais de 100 anos de história, isso não lhes autorizava a gritar “Vai curintcha” e explodir bombas em frente a um hospital. Lixos imundos!

Antes das oito da matina, nem 03 horas de sono, e Marcos e Felipe já eram os dois mais novos palmeirenses desse mundo maluco,  chegaram logo em dia de final de campeonato  e fincando os pés na palestrinidade que já lhes corre no sangue.

As horas que se seguiram foram também infinitas. Já se iam mais 8 horas até que os filhos pudessem voltar aos braços do papai babão.

E o relógio continuou se arrastando preguiçosamente até o horário do jogo, não sem antes os irmãos do Bonde do Imenso mandarem um recado: – Tamujunto!

Mas foi logo no início do jogo, antes dos primeiros 15 minutos, que veio a péssima notícia de que alguns amigos e irmãos do bonde haviam sido covardemente agredidos pela Polícia que, sem razão aparente, decidiu quebrar pernas, braços e cabeças de gente que só estava fazendo por torcer pelo seu time do coração.

As notícias davam conta de que a ação covarde de “policiais” sem identificação nos uniformes deixou pelo menos dois amigos e vários outros palmeirenses no hospital para tratar fraturas e tomar pontos na cabeça. Nada justifica uma atitude covarde como essa, em especial num dia que deveria ser só de festa e comemoração. Uma vergonha se os responsáveis não forem punidos com todo o rigor.

À  tensão do jogo – a essa  altura o Palmeiras ia cedendo espaço atrás de espaço ao Coritiba – somou-se a angústia de não conseguir falar com todos os amigos que estavam juntos na Porta do Estádio mas que se separaram com a confusão. O que só acabou mesmo quando foi possível falar com absolutamente todos, lá pela 1 hora da manhã.

E quanto ao jogo?

02 gols, 1 pro Marcos e 1 pro Felipe, quero mais o que?

Partidaço da zaga, em especial do goleiro Bruno, que defendeu pelo menos 3 bolas à queima-roupa, e da dupla de zaga. Ponto negativo ao Valdivia que consegue ir do céu ao inferno com a mesma velocidade que troca de cuecas. Expulsão imbecil que poderia ter prejudicado o time 02 vezes, ontem e na semana que vem. E ao Sr. Marcio Araujo que, se San Gennaro existe, será a primeira “baixa” do elenco após a tão esperada conquista.

Escrevam aí, se Barcos realmente não jogar na semana que vem, Betinho será o herói do título.

E pra fechar, não poderia ficar de fora esse vídeo de Gabriel Santoro, mais uma obra-prima que retrata com perfeição o que é ser palestra!

VAMOS BUSCAR ESSE CANECO! AVANTI PALESTRA!  

Publicado em 06/07/2012, em Geral, Palmeiras em Campo e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. não existe torcida mais linda e vibrante que a nossa , te amo palmeiras

  2. é isso aí guerreiros palestrinos, seremos campeões, e dalhe dalhe porco

  1. Pingback: Coritiba 1 x 1 Palmeiras – Copa do Brasil 12˜ |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: