Há 18 anos…

Aquele 12 de junho de 1993 foi um dos dias mais lindos na vida de um palmeirense.

Se bem que nem tudo foi fácil naquele dia. A derrota na semana anterior, o gol porco, o início de jogo nervoso, pegado, e os 16 anos sem conquistas (pra mim, eram 14) provocavam uma tensão fora do comum. Pelo menos até os 40 do primeiro tempo, quando saiu o gol do Zinho, o primeiro da sacolada que os Gambás ainda iam levar naquela tarde.

Segundo tempo e aquele baile em campo, dava até dó dos pebinhas. Aliás, não dava dó porra nenhuma. A gente queria era mais, se fosse 6, 7, nunca ia ser o bastante.

Quando o Matador guardou, de penalti, o quarto gol, já na prorrogação, olhei pro Rubão, meu tio, com uma cara de “o que eu faço agora?”. 14 anos e não sabia comemorar um título.

foto de Ricardo Correia / Placar

De lá pra cá isso mudou. Nos anos que seguiram aquele 12 de junho, não tinha pra ninguém, o Verdão passava o carro e faturava tudo. Mas nenhum time, nem o dream team de 96 ou o time campeão da América, fizeram este palmeirense tão feliz quanto Ségio, Mazinho, Antonio Carlos, Tonhão e 6, Sampaio, Daniel Frasson, Zinho e 10, Edmundo e Evair.

 A vocês (menos aos 2 traíras), o muito obrigado da nação palmeirense. Esse título a gente nunca vai esquecer!

EM 93, NÓS GANHAMOS O PAULISTÃO, FOI EM CIMA DOS GAMBÁS, FILHOS DA PUTA, 4X0 PRO VERDÃO!

AVANTI PALESTRA!

Publicado em 12/06/2011, em Geral. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Gerson Guarino

    O dia mais importante da minha vida .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: