Ponte Preta 2 x 1 Palmeiras – Paulistão 2011

Derrota boa a do Palmeiras de hoje. Por muitos motivos.

Primeiro, quem perdeu foi o time reserva e não nosso elenco titular. O Palmeiras jogou com Deola, Cicinho e Kléber do time principal. Kléber nem voltou no segundo tempo, de tanto apanhar com a conivência do juiz. Foi uma derrota que não tira a moral do time e serve de alerta pros próximos jogos, todos decisivos.

Depois, terminamos o campeonato com o mesmo número de pontos que os Bambis. Isso significa que podemos facilmente recuperar a vantagem de jogar a segunda final em casa, se os bambis empatarem nas quartas ou na semi. Pela regra do campeonato, os pontos seguem sendo acumulados tambem na fase decisiva e, portanto, o Palmeiras pode chegar numa final com as meninas com mais pontos e garantir a vantagem do mando de campo.

Por fim, acabou sendo uma derrota estratégica. Do jeito que acabou, o Palmeiras escapou duma chave com Portuguesa, Sardinhas e Ponte Preta, que seria muito mais difícil do que Gambás, Oeste e Mirassol. Se os gambás passarem do Oeste, vamos pegar os lixos no Pacaembu, mando nosso. Eles tão fudidos. Depois é só assistir de camarote as Sardinhas e os Bambis, teoricamente os dois melhores elencos da competição, pra ver quem ficará com o vice-campeonato.

Não acho que foi uma derrota planejada. Mas foi uma daquelas derrotas de time que está com sorte de campeão. Quarta-feira passada, lá no L’Osteria, bem que o Marquinhos, meu brother, falou que o time tava com sorte de campeão. Qual foi a última vez que você viu esse time fazendo gol em rebote de penalti, duas vezes no mesmo jogo?

Sobre o jogo não vou falar nada. Perdeu e pronto. Salvio Spinola continua sendo um péssimo juiz. O Josimar da Ponte devia ter sido expulso ainda no primeiro tempo. Que não apite mais jogo nosso nesse Paulistão! Só fiquei feliz pra caralho com o gol do Max, que ajoelhou e foi às lágrimas. Nunca vi um cara ter tanto orgulho de vestir essa camisa com tão pouco tempo de clube! Ele sabe que tá tendo a chance da vida dele e está sendo muito grato por isso. Parabéns, Pardalzinho! Em sua homenagem, hoje não terá melhores momentos do jogo, só o vídeo do seu gol.

Agora é que o bicho vai pegar! Quinta-feira, 16 hs, tem Santo André pra garantir as quartas da Copa do Brasil. E no final de semana, vamos pegar o Mirassol e passar o carro. Aí, se segura Gambazada…

Gol do Max Pardalzinho:

A ficha técnica:

PONTE PRETA 2 X 1 PALMEIRAS

Estádio: Moisés Lucarelli, Campinas (SP)
Data/hora: 17/04/2011 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Salvio Spinola Fagundes Filho
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Anderson Jose de Moraes Coelho
Auxiliares de linha: Paulo Roberto de Sousa Jr e Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Renda/público: R$ 223.156,00 /9.956 pagantes
Cartões amarelos: Josimar, Renatinho, Tiago Luís e Eduardo Arroz (PON); Rivaldo, Chico e Luan (PAL)
GOLS: Max Santos, aos 20’/1ºT (0-1); Márcio Diogo, aos 25’/1ºT (1-1); Renatinho, aos 30’/2ºT (2-1)

PONTE PRETA: Bruno, Eduardo Arroz, Ferrón, Wellington e Uendel; Guilherme, Josimar, Lucas (Renan, aos 35’/2ºT) e Márcio Diogo (Charles, aos 29’/2ºT) ; Renatinho (Mateus, aos 39’/2ºT) e Tiago Luís. Técnico: Gilson Kleina.

PALMEIRAS: Deola, Cicinho (Luís Felipe, aos 16’/2ºT), Leandro Amaro, Maurício Ramos e Rivaldo; João Vitor, Chico e Tinga; Max Santos (Luan, aos 22’/2ºT), Kleber (Vinícius, Intervalo) e Adriano. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Publicado em 17/04/2011, em Palmeiras em Campo e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: