100 VERGONHA

Depois do jogo de hoje, em que o Cruzeiro foi prejudicado dolosamente em favor dos Gambás, me lembrei de um São Paulo e Palmeiras na Libertadores de 2006. A vaga pro torneio continental foi conquistada no último jogo do BR05, 3×2 contra o Fluminense, jogo sofrido e ganho de virada, gols de Washington Orelha, Juninho Paulista e Correa.

No primeiro jogo contra os bambis, 1×1 no Parque Antártica.

O segundo foi um dos jogos mais roubados da história do Palmeiras, 2×1 pras bichas, graças ao safado do Wilson de Souza de Mendonça. Além de ter marcado falta fora da área um penalti claro em Edmundo, o maldito ainda inventou um penalti pras bichas aos 42 do segundo tempo. É só ver as imagens, mas sem o áudio da sempre anti-palmeirense redação de esportes da Rede Globo. Pra eles, o penalti pro Palmeiras foi mesmo fora da área, e o lance em que o Christian toca só a bola,  foi penalti. Sem falar que esse lance começou com um passe do próprio juiz… Faça o teste e assista sem som e depois com e veja a diferença…

Nesse dia, fomos 5 mil palmeirenses contra mais de 50 mil viadinhos. Quem tava naquele jogo sabe que a pegada foi diferente. Várias camisas do Barcelona na torcida do Palmeiras, em apoio ao time e às declarações de Edmundo que, ao responder ao jogador do Bambi, que dizia só temer o Barcelona antes do jogo, disse: “Vamos ver se no próximo jogo conseguimos jogar com uma camisa do Barcelona por baixo.” Não paramos de gritar e de cantar nem por um minuto e fizemos o time correr mais em campo naquele panetone entupido de frutinhas.

O Palmeiras era um time bem mais fraco que as bichas e mesmo assim teria ganho o jogo não fosse a atuação leviana do safado do juiz. Naquele dia, fui embora do Morumbi descrente da idoneidade do meio do futebol e me prometi que não ia mais acompanhar futebol com aquela frequência, ir em jogo fora de casa passar sufoco e toda aquela raiva de ver seu time operado em campo, a imprensa fazendo pouco caso como se a gente fosse louco.

Fazia pouco mais de 05 meses que, no campeonato brasileiro de 2005, tínhamos visto a gambazada, recheada de dinheiro de procedência duvidosa, se beneficiar do caso Edilson e da anulação de jogos que acabou prejudicando o Inter, que seria o campeão legítimo não fosse aquela palhaçada toda.

Surgiu então a questão: até onde valia a pena gostar de futebol tanto assim, gastar centenas de reais todo ano com ingresso, camisa do time, PPV, parar a vida pelo menos duas vezes por semana, não passar um domingo com a esposa ou com a família, frequentando estádios de futebol sem estrutura mínima de conforto e segurança? Tudo isso pra ver seu time ser assaltado dentro de campo, pra ver os lixos ganharem o campeonato mais roubado do mundo? Não, não valia a pena. CHEGA!

A revolta durou 03 rodadas do Brasileiro de 2006. No segundo jogo em casa, lá estava eu de novo, acompanhando o meu Palmeiras fizesse chuva ou sol, contra quem que fosse.

Várias circunstâncias do jogo de hoje me fizeram lembrar da revolta daquele 03 de maio de 2006. A mais marcante delas, com certeza, é o papel(ão) determinante de parte da impren$a no acobertamento das falcatruas do futebol. O futebol é a única extensão da sociedade em que a imprensa especializada faz vista grossa pra todas as maracutaias que ocorrem. Está mais do que evidente que os Gambás estão sendo favorecidos e nada se lê a respeito.

São 17 pontos no apito sem que nenhum dos famosos jornalistas esportivos ache nem mesmo ESTRANHO tamanha coincidência! Pior, daqui a pouco me vem o PVC ou algum outro cego funcional fazer um levantamento e mostrar que nos últimos 90 anos, o Gambá não foi o time mais beneficiado da história do futebol. São os mesmos caolhos que insistem em dizer que Robertões e Taças Brasil não são títulos brasileiros, que a Copa Rio não é mundial, muito embora nem vivos fossem ou ainda borravam as fraldas quando essas conquistas ocorreram.

Li Estevam Ciccone incomodado no twitter ao receber ferrenhas críticas por opinar que teria sido penalti de Gil no Balofo. “É só uma opinião”, dizia, como se todo o resto do mundo não tivesse a mais absoluta certeza de que não só não foi penalti como a marcação foi PURO ROUBO! Juca Kfouri escreveu sobre a revolta de Cuca, que seria injusta porque no primeiro turno o mesmo Sandro Meira Ricci não teria marcado um penalti a favor do Corinthians… Como é que é? Código de Thalião? Olho por olho, dente por dentadura (afinal, os gambás são desdentados…)? Vale a pena a resposta deixada no Blog por um leitor, William, que irá me economizar um tempinho ganho no CtrlC CtrlV: Francamente, Sr. Juca Kfouri!

Eu era um defensor do seu trabalho. Hoje descobri o quanto é parcial! Aquilo não seria pênalti nunca! Tudo isso sem falar em vários impedimentos inexistentes! Tudo isso sem falar também em dois pênaltis não marcados para o Cruzeiro!

E que falta de respeito a sua com a torcida do Cruzeiro! Expressar a sua opinião – ainda que absurda – é uma coisa! Dizer que o choro é livre é outra! Nunca mais entrarei neste blog, nem acompanharei mais os programas em que o senhor participa! Lamento muito que o senhor tenha sido contaminado pela sujeira do time pelo qual torce! Que lástima para um jornalista consagrado!
Quem diria! O Kajuru está certo: futebol é negócio! Como eu sou ingênuo! De qualquer forma, a vantagem de ser humano é poder aprender com os erros! Finalmente, aprendi que não vale a pena acompanhar futebol, pelo menos no nosso país!

Libertadores não se compra: por isso o Corinthians não tem!”

A imprensa, com certeza, não será responsável e não terá papel relevante na moralização do futebol, se algum dia ela ocorrer. É capaz de até fazer campanha contra. Afinal, não sobraria muita gente coerente…

E agora? A revolta, muito embora eu respeite a conclusão a que chegou William, o leitor do Juca Kfouri, não é a resposta, pelo menos não pra mim. Meu amor pelo Palmeiras é maior que tudo isso. Não adianta prometer que não vou mais acompanhar porque é mais mentira do que o Gordo dizer que foi penalti, ou que ele não sabia que a Andrea, na verdade era André.

Agora, o que nós palmeirenses temos que fazer é cobrar que o Palmeiras entre em campo nos dois últimos jogos da mesma forma como armaram esse campeonato pros Gambás ou como a imprensa finge que não vê: 100 vergonha na cara. 100 nenhuma vergonha.

Que não venha a imprensa cobrar moral ou ética do Palmeiras. Se a imprensa quer ética, tem que ficar quieta, exatamente como faz ao não divulgar o esquema em prol dos gambás. E a gambazada tem que receber com juros e correção monetária o troco do jogo contra o Flamengo em Campinas no ano passado. Aqui se faz, aqui se paga, seus banguelas!

Depois, é uma ótima oportunidade para alguns mal-quistos do elenco caírem nas graças da torcida. Vou comemorar um gol contra do Rivaldo como se fosse o gol do Zinho contra os Gambás em 12.06.93. Como se fosse gol de título.

Por isso, vamos aderir às campanhas #PALMEIRAS100VERGONHADEENTREGAR! e #FAZCONTRARIVALDO!

E que se fodam os falsos moralistas. AQUI É PALMEIRAS!

AVANTI PALESTRA!

Publicado em 14/11/2010, em Geral e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Duílson Souza

    Depois de sábado, acho que já era…duro vai ser aguentar o Penta dos caras. Moro aqui no Imirim e só tem Gambá..sábado parecia Ano novo. Pior que o filho da puta do Muricy ainda ajuda.
    Ouvi dizer que a CBF vai analisar os casos do Robertão e da Taça Brasil..mas alguém aí sabe se é verdade que na Taça Brasil o Palestra jogou só 4 jogos pra ser Campeão??
    Se for, nunca vão aceitar, ainda mais sendo o Verdão, que não tem moral nenhuma na CBF. Quanto ao mundial, nem conto mais..até porque a gente zoa o torneio de verão dos gambás e reinvidica a mesma coisa? Aí não dá.
    Vamos Palestra..vamos pra cima do Goiá.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: